quarta-feira, 15 de abril de 2009

CDS CONSIDERA QUE PORTUGAL ESTÁ PERANTE UMA PROFUNDA RECESSÃO ECONÓMICA


O CDS-PP considera que Portugal está perante uma “recessão mais profunda do que o previsto”, e não perante uma contracção da economia.

Paulo Portas em reacção às previsões do boletim económico de Primavera do Banco de Portugal, as quais indicam uma quebra de 3,5 por cento da economia nacional, considera que estes números “colocam seriamente em causa as medidas e os planos para os telejornais do governo”.

Site do Grupo Parlamentar

Sem comentários: